Nobre Casa de Cidadania

Cidadãos Homenageados

Afonso_Eduardo

AFONSO EDUARDO

Deixou uma vida confortável em Inglaterra para se instalar em Portugal e fundar um Centro Social de Acolhimento (“O Bom Samaritano”) que apoia famílias carenciadas entre Setúbal e o Vale da Amoreira. Veja o aqui seu Testemunho.

ARTUR BRITO

Sob o lema “Não tem que ver com o que eu faço, mas com o que tu podes fazer”, viajou de Faro até ao Nepal, numa mota Honda PCX, de 125 cc, com o objetivo de angariar fundos que contribuíram para a melhoria das condições de vida da população de uma das regiões mais afetadas pelo sismo de 2015. O Artur é amputado da perna esquerda.

AlexandraBorges

ALEXANDRA BORGES

Ao visitar em trabalho o Gana confirmou a existência de escravatura infantil na pesca do Lago Volta. Com o objetivo de ajudar aquelas crianças sustentou sozinha e por vários meses algumas delas. Ao criar a ONG “Filhos do Coração” alargou a ajuda a mais crianças vítimas de escravatura infantil naquele país.

Alexandre Moreira

ALEXANDRE MOREIRA

Sem hesitar e arriscando a sua própria vida salvou uma criança de três anos que estava a ser levada pela corrente no rio Tejo. Veja aqui o seu Testemunho.

António Pedro Martins

ANTÓNIO PEDRO MARTINS

Intercetou com a sua própria viatura um veículo descontrolado que descia rua abaixo com uma criança no seu interior.

AugustoNeves

AUGUSTO NEVES DE SOUSA

Diariamente ajuda cidadãos com deficiência, crianças e jovens em risco na Associação Rumo e na Nós – Associação de Pais e Técnicos para Integração do Deficiente, no Barreiro, facilitando o acesso de pessoas com deficiência ao mercado de trabalho.

Bruno_Clemente

BRUNO CLEMENTE

Este agente da PSP não hesitou em colocar a sua própria vida em risco para salvar três outras que se encontravam a debater-se contra a corrente do mar da praia Formosa, em Santa Cruz.

Carlos_Barros

CARLOS BARROS 

Organizou e produziu duas exposições que proporcionaram às populações das cidades de Valongo e Porto conhecerem, de forma gratuita, a história das suas comunidades através de peças e artefactos cedidos por organismos coletivos e particulares e sem qualquer compensação financeira.

Carlos_Pereira

CARLOS PEREIRA

Evitou que uma criança de três anos morresse afogada num lago abandonado, coberto de folhas, limos e algas verdes, que o confundiam com a vegetação circundante, na ilha de S. Jorge, nos Açores.

Carlos Pinto

CARLOS PINTO

Mentor do projeto “Amigos da Alegria”, Carlos Pinto promove atividades de carácter social e cultural junto dos utentes do Lar da Fundação Irene Rolo.

CarolinaAlves

CAROLINA ALVES

Através de visitas quinzenais a pessoas sem-abrigo da cidade de Lisboa, presta cuidados de saúde e apoio social. Uma atividade que desenvolve na qualidade de voluntária da “Associação Vox Lisboa”. Paralelamente apoia crianças órfãs de pais infetados com o vírus da SIDA, através da ONG “Eu e os meus irmãos”. Para isso, proporciona-lhes alimentação, cuidados de saúde e vestuário, através de processos de apadrinhamento, ao mesmo tempo que as incentiva a frequentar a escola e a abraçar iniciativas que reduzam a sua dependência financeira.

Ceu_Salgueiro

CÉU SALGUEIRO

Motivada para garantir a felicidade e bem-estar alheios através de um sorriso, de uma conversa, ou simplesmente pela capacidade de ouvir, sem julgar, Céu Salgueiro tem dedicado a sua vida aos outros, seja na Comunidade Vida e Paz ou na Fundação Make a Wish.

DIANA VASCONCELOS

Luta diariamente pela dignidade de centenas de crianças residentes na maior favela do mundo, Kibera, no Quénia, que vivem em extrema precariedade, sem habitações dignas e sem condições de higiene. Fá-lo na qualidade de fundadora da ONG “Há ir e Voltar”, que promove o apadrinhamento de crianças, no sentido de lhes proporcionar refeições nutritivas e todo o material escolar de que precisam.

DomingosSilva

DOMINGOS SILVA

Com determinação e coragem, fundou, em 1996, a Associação de Apoio aos Deficientes Visuais do Distrito de Braga, onde demonstra como é possível enfrentar os desafios com positivismo e viver integrado e ativo na comunidade, sempre com um sorriso.

ElsaCaires

ELSA CAIRES

Enquanto voluntária da Associação Conversa Amiga, conheceu uma pessoa sem-abrigo que precisava de fazer uma operação aos olhos. Com determinação e resiliência, a Elsa conseguiu o apoio médico necessário e acompanhou a pessoa em abrigo até ao final do tratamento.

Emidio_Almeida

EMÍDIO ALMEIDA 

Em pleno inverno, e durante as cheias que assolaram a freguesia de S. Nicolau, em Santarém, nos anos 80, foi confrontado com a morte iminente de uma família vizinha que se encontrava numa casa submersa pelas águas do Rio Tejo. Com coragem e determinação, Emídio subiu ao telhado da casa e conseguiu salvar a família inteira – um casal com dois filhos, que aguardava um terceiro filho.

Fernando Ribeiro

FERNANDO RIBEIRO

Conhecedor das dificuldades vividas pelas corporações de bombeiros portugueses, este cidadão português, emigrado na Suíça e ex-bombeiro, sensibilizou as corporações do seu país de residência para apoiarem os congéneres portugueses com os seus excedentes de equipamento. Com empenho e dedicação e graças à boa vontade dos bombeiros suíços, Fernando conseguiu reequipar várias corporações portuguesas com material novo e usado, num contributo que ascende a mais de 1 milhão de euros.

Gabriel Mateus

GABRIEL MATEUS

Consciente de que as crianças hospitalizadas, desfavorecidas ou com doenças crónicas precisam de uma atenção especial, o Gabriel tem dedicado os últimos 10 anos a apoiá-las. Para isso, deu suporte educacional a crianças no projeto Adra Kids Burkina Faso, para o qual ainda contribui financeiramente. Colaborou em várias atividades de solidariedade e concretizou os sonhos de muitas crianças, no âmbito da atividade da IPSS Terra dos Sonhos. Atualmente, faz voluntariado no IPO de Lisboa.

Helder_Pereira

HÉLDER PEREIRA

Enquanto membro do piquete noturno dos Bombeiros Voluntários de Famalicão – equipa fixa que garante o serviço de socorro, 365 dias/ano – do qual faz parte, Hélder e os colegas foram chamados para acorrer a um incêndio numa residência. Chegado ao local, e deparando-se com um cenário de chamas intensas, o Hélder não hesitou em entrar na residência em causa à procura de potenciais vítimas. Ao fazê-lo, foi surpreendido por uma explosão que lhe causou queimaduras graves.

HelenaPereira

HELENA PEREIRA

Promove a integração na sociedade de pessoas em risco, como pessoas sem-abrigo, trabalhadoras do sexo e crianças desfavorecidas, facilitando-lhes o acesso a alimentação e vestuário. Proporciona-lhes ainda formação e acesso a atividades lúdicas, muito úteis para o regresso à vida ativa. Uma atividade que desenvolve na qualidade de Presidente da “Associação Integrar”.

HenriqueDias

HENRIQUE DINIS DIAS

Enquanto corria, este futebolista de profissão, ouviu pedidos de socorro vindos do Rio Minho. Dirigiu-se à margem e viu dois pescadores espanhóis na água. Um deles não sabia nadar e puxava o amigo para o fundo. Determinado a retirar os dois com vida, atirou-se à água e conseguiu fazê-lo, apesar de um dos socorridos ter precisado de receber manobras de salvamento.

HugoMartins

HUGO MARTINS

Enquanto voluntário da Associação Conversa Amiga, facilita o acesso a cuidados básicos de saúde a pessoas sem-abrigo na zona de Lisboa, aos quais leva também uma mensagem de esperança.

ISAURA CAMPOS

Dá aulas de língua inglesa e pintura em universidades séniores e no seu atelier, o que lhe permite, de forma voluntária, prosseguir a missão de transmitir conhecimento, ao mesmo tempo que capacita outros cidadãos aposentados, contribuindo assim para o seu bem-estar.

Joana Pontes

JOANA PONTES

Suplantando diversas dificuldades e obstáculos, Joana juntou mais de 37 toneladas de tampinhas que revertem em material e equipamento necessários para apoiar os utentes de IPSS do Município de Ílhavo.
JoaquimCoelho

JOAQUIM COELHO

Este agente de trânsito da GNR foi além da sua obrigação profissional e arriscou a sua vida em prol de outras.

JosianeSantos

JOSIANE SANTOS

Na qualidade de voluntária da “Associação Conversa Amiga”, conseguiu dar esperança a uma senhora sem-abrigo e com ela procurou apoios, um teto e um rendimento. Hoje em dia, a senhora tem uma residência e um projeto de vida graças ao incansável apoio de Josiane.

LauraVasconcellos

LAURA VASCONCELLOS

Indiferente à sua segurança, e imediatamente após um conturbado período de violência pós-eleitoral no Quénia, viajou para Nairobi onde abriu um orfanato na periferia da capital. Com esta ação resgatou das ruas 45 crianças.

MafaldaRamos

MAFALDA RAMOS

Contrariando o ambiente negativo em que Portugal mergulhou nos últimos anos, Mafalda comprometeu-se em identificar e distribuir diariamente boas noticias junto dos órgãos de comunicação social, motivando e encorajando a sociedade a seguir os bons exemplos de portugueses.

MariaConceicao

MARIA DO CÉU DA CONCEIÇÃO

Depois de uma visita a uma favela de Dhaka, capital do Bangladesh, Maria do Céu vendeu os seus pertences, recolheu as poupanças, pediu ajuda a amigos e colegas e, com o dinheiro que recolheu, voltou a Dhaka, para criar uma escola destinada a crianças e adultos. Com o tempo, o projeto deu origem a uma pequena comunidade cujas estruturas permitiram retirar das favelas cerca de 600 crianças e 40 famílias.

mariacorreia

MARIA CORREIA

Salvou uma criança que se encontrava em risco de morrer afogada no agitado mar da Praia da Memória, em Leça da Palmeira.

MARIA FERNANDA SANTOS

Mentora do projeto “Braga Solidária até à Medula”, mobilizou a população de Braga para a importância da doação de medula no tratamento da leucemia e de linfomas, através de ações de sensibilização e da recolha de fundos durante o ano de 2012. Graças ao projeto “Braga Solidária até à Medula”, a cidade de Braga está no top das cidades portuguesas com o maior registo de potenciais dadores de medula óssea.

Maria Filomena Alves

MARIA FILOMENA ALVES

Ser Professora não era apenas a sua profissão. Era um compromisso com a sociedade, que lhe permitia ajudar quem mais precisava. Ao longo de mais de 30 anos, Maria Filomena distribuiu cabazes com alimentos, proporcionou o transporte de crianças para a escola e apoiou inúmeras famílias carenciadas em Alferrarede Velha.

Maria Gabriel

MARIA GABRIEL SOUSA

Contribui diariamente para minimizar a dor e o cansaço de milhares de crianças e famílias, ajudando a transformar sofrimento em sorrisos. Ultrapassando as suas próprias contrariedades, dedica-se desde 2001 aos outros, de Norte a Sul do País e Ilhas, tendo já proporcionado momentos de felicidade a milhares de crianças internadas.

MARIA GOMES

Conhecendo as dificuldades que uma jovem estudante de 20, órfã de mãe e com o pai doente, atravessa, não hesitou em ajudá-la como se fosse sua filha, proporcionando à jovem melhores condições de vida que a levaram a retomar os estudos superiores e a ter um novo motivo para sorrir.

Mario Mendes

MÁRIO MENDES

Apesar do infortúnio da cegueira, Mário é há vários anos um voluntário muito ativo junto da comunidade que o acolheu em 1973. Depois de dar o seu contributo na Associação de Solidariedade Social da Assomada, fundou em 2007 a Associação TACE (Trilhar, Agir, Conseguir, Evoluir), que presta apoio social e dá suporte e acompanhamento a jovens em dificuldade.

martabaeta

MARTA BAETA

Voluntária desde muito jovem, assumiu em 2012 o seu maior desafio. Viajou para Nairobi, no Quénia, e dirigiu-se a Kibera, a maior favela do mundo, onde contribuiu para assegurar a educação, durante um ano, de 16 crianças, de seis anos, que sem ela não teriam tido essa oportunidade.

Miguel Leitão

MIGUEL LEITÃO

Há mais de 6 anos que leva a todas as crianças internadas, e famílias, uma mensagem de confiança e alegria, provando que Portugal também é feito de amor e generosidade.

moacyrsilva

MOACYR JÚNIOR

Sabendo que uma criança de mobilidade reduzida tinha o sonho de andar de bicicleta e que a família não tinha possibilidade de lhe comprar uma adaptada, Moacyr desafiou uns conhecidos para construir uma e ofereceu-a à criança.

ODETE COSTA

Movida pelo desejo de ajudar o semelhante, fundou o Movimento Lírio Azul e com ele mobiliza diariamente homens e mulheres para causas em diversos pontos do país, promove a igualdade de género, apoia crianças em risco ou hospitalizadas, a comunidade surda e as pessoas amputados.

OLGA FERREIRA

Mobilizou esforços para devolver o sorriso a 400 crianças, residentes na Vila de Macia, em Moçambique, após as cheias que assolaram o país, em 2013. Para isso, contribuiu para que se erguesse uma escola e fossem doadas quatro toneladas de comida, roupa, brinquedos e material escolar, que contribuíram para a melhoria das condições de vida da comunidade.

Paulo Durão

PAULO DURÃO

Ao conduzir diariamente um autocarro de passageiros, Paulo nunca pensou ter de sair do autocarro em pleno tabuleiro da ponte 25 de Abril para salvar uma vida humana. No entanto, no dia 4 de outubro de 2010 parou o autocarro de passageiros que conduzia com destino à Praça de Espanha e “agarrou” um homem à vida.

raquelgaspar

RAQUEL GASPAR

Comprometida em salvaguardar a comunidade de roazes – espécie emblemática de golfinhos do Sado – Raquel não hesitou em coordenar tecnicamente a operação de salvamento de um jovem roaz que, em 1999, ficou encalhado no esteiro do Rio, apesar das suas limitações físicas da altura. Um gesto que contribui para a elaboração do livro “O Golfinho Voador”, inspirado no Asa – o roaz salvo – que foi retirado do esteiro através de um helicóptero da Marinha.

RICARDO TAVARES    

Salvou uma vida humana, no dia 28 de julho de 2015, retirando das águas da Ria de Aveiro um homem que se encontrava a afogar. 

RITA POCINHO

Presta apoio psicológico e médico, de forma voluntária, a pessoas sem-abrigo da cidade de Lisboa, estabelecendo com elas relações de confiança e proximidade. Uma atividade que desenvolve na qualidade de voluntária da “Associação Vox Lisboa”.

SOFIA NUNES

Ao fazer voluntariado junto de crianças em orfanato na Tanzânia percebeu as dificuldades que um menino tinha em ouvir. Com o desejo de proporcionar àquela criança o sentido da audição, adquiriu um aparelho auditivo que deu ao pequeno Sudí a possibilidade de ouvir, de acompanhar as conversas dos amigos e de interagir com eles.

susanadamasceno

SUSANA DAMASCENO

Acreditando que todos somos iguais e que temos os mesmos direitos, Susana criou em 2005 a ONG AIDGLOBAL, que defende a educação para a cidadania global e a qualidade da educação em Moçambique.

TeresaOliveira

TERESA OLIVEIRA

Fundadora da Associação ANI São-João, uma organização que acolhe animais em risco, abandonados, doentes ou acidentados, Teresa proporciona aos animais um teto, alimentação, cuidados de saúde e afetos na zona de S. João da Madeira, com o contributo de um conjunto de voluntários.

TERESA SERRÃO

Dedica os seus dias a visitar, a ajudar, a apoiar e a acompanhar doentes em hospitais e casas de recuperação. Acompanha ainda doentes a consultas nos Centros de Saúde, e visita lares e orfanatos onde leva sempre uma energia contagiante e inspiradora.

NUNO GALVÃO

Ao fazer voluntariado junto de crianças em orfanato na Tanzânia percebeu as dificuldades que um menino tinha em ouvir. Com o desejo de proporcionar àquela criança o sentido da audição, adquiriu um aparelho auditivo que deu ao pequeno Sudí a possibilidade de ouvir, de acompanhar as conversas dos amigos e de interagir com eles.

VERA MENDES

Dedica, desde 2013, grande parte do seu tempo a angariar artigos de proteção solar (protetores solares, cicatrizantes, óculos de sol, panamás e chapéus-de-sol) para pessoas com albinismo, ao mesmo tempo que, através da Associação Kanimambo, faz trabalho de sensibilização com vista à integração da pessoa com albinismo na comunidade moçambicana.